Comunicado ENSE: disponibilidade das reservas de emergência do Estado Português

24/07/2019

Anunciada a paralisação dos motoristas de mercadorias, previsto o seu início para o próximo dia 12 de agosto, importa assegurar e dar nota que Portugal dispõe de reservas de combustíveis (reservas de emergência e de segurança) a cargo da ENSE – Entidade Nacional para o Setor Energético E.P.E., reservas que podem ser utilizadas em caso de emergência energética.

Estas reservas asseguram o funcionamento da economia nacional e do país, durante 90 dias, sem necessidade de importação ou refinação de produtos acabados, e estão aptas a chegar a qualquer ponto do território nacional através do acionamento do plano de emergência da ENSE, plano este que estabelece uma Rede de Emergência de Postos de Abastecimento, identificando, adicionalmente, estruturas que pela sua especificidade, careçam de abastecimento prioritário de carburantes para garantir o seu pleno funcionamento, como sejam: hospitais, centros médicos, portos, aeroportos, aeródromos e heliportos.

Esta rede identifica os principais pontos de fornecimento e carga de combustíveis, rotas de transporte, empresas transportadoras e bem assim soluções alternativas (meios físicos, mas também humanos) que possam garantir a implementação de diferentes respostas por forma a evitar constrangimentos no fornecimento dos diferentes locais de abastecimento, sobretudo, os classificados como prioritários.

Com o acionamento desta rede de emergência, fica assegurado o fornecimento de combustíveis às populações e às forças e serviços de segurança, garantindo um normal funcionamento do país.

Lisboa, 24 de julho de 2019

 

Filipe Meirinho
Presidente do Conselho de Administração

 

Documentação Associada