ense_logo republica_portuguesa_logo

Nivel de risco

Amarelo
Existência de indícios de possíveis problemas que possam afetar significativamente o sector petrolífero. A probabilidade de se tornar uma ameaça real é baixa, mas deverá existir uma monitorização contínua da situação.

Causas:
Devido ao surto de COVID-19, a ENSE está a monitorizar em permanência o normal funcionamento do Sistema Petrolífero Nacional.

ENSE assegura manutenção dos seus serviços

23/03/2020

Na sequência dos mais recentes acontecimentos, ligados à pandemia do COVID-19 e, de forma a reduzir o risco de contaminação bem como a consequente propagação do surto epidémico, a Entidade Nacional para o Setor Energético E.P.E. procedeu à implementação de um conjunto de medidas com vista a assegurar a continuidade das suas atividades essenciais, tendo em conta as competências desta entidade para o bom funcionamento do país, em caso de disrupção suscetível de provocar uma crise energética.

Entre as medidas adotadas, a ENSE tem privilegiado o teletrabalho, reduzindo substancialmente a presença dos colaboradores nas suas instalações e favorecido a comunicação seja através de e-mail, telefone ou de plataformas de colaboração em equipa.

Assim, importa informar que continua a manter-se um cenário de normal funcionamento do setor petrolífero nacional, encontrando-se a ENSE disponível para acompanhar e apoiar todos os operadores, stakeholders e cidadãos enquanto se mantiver esta situação de surto do COVID-19, no nosso país.